Mensagem da mamãe

Obrigado por nos visitar e volte sempre!!!

quinta-feira, 25 de março de 2010

Enjôo: o grande vilão da gravidez


Eles são um horror e não acontecem só com você. Os enjôos e náuseas atingem 90% das mulheres(em 60% dos casos, com vômitos)e costumam ser mais comuns entre a 6° e a 16° semana de gestação. Marinheiras de primeira viagem são as maiores vítimas, mas mesmo quem já teve filhos pode ser pega por este incômodo.Porém, não se desespere: além de ser absolutamente normal, mais cedo ou mais tarde vai passar.

Por quê isto ocorre?
O motivo do mal-estar é a alteração hormonal que ocorre no corpo da mulher nessa fase e também o aumento dos níveis de estrógeno e progesterona. Porém, fatores psicológicos como ansiedade podem influenciar bastante. O horário mais crítico costuma ser pela manhã, mas pode persistir pelo dia todo.


Algumas dicas de como superar esta fase de maneira menos traumática

Deixe sempre três bolachas de água e sal ao lado da cama e coma assim que acordar(a seco), ajuda a controlar o excesso de saliva. Na sequência, tome algum líquido gelado(e de preferência azedo): sucos de limão, laranja e abacaxi são bem-vindos. Isotônicos(como gatorade, Inove e água de côco) e coca-cola também são indicados porque repõem rapidamente o cloro e o potássio perdidos com os vômitos. Não escove os dentes em seguida, pois isso pode provocar nausea.Tome um banho antes.

Evite longos jejuns, nessa fase, a digestão fica mais lenta e por isso, é comum que você se sinta empanturrada mesmo com pequenas quantidades de alimento. Porém, com o estômago vazio também piora o enjôo, o segredo é comer pouco, a cada 3 horas.

Nos lanches antes do almoço e jantar, boas sugestões são sorvetes (cítricos ou não) e fatias de abacaxi com casca de limão ralado. Fazer repouso nesta fase pode ser uma ótima idéia. Se o enjôo continuar após o quarto mês, converse com seu médico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não vai sair sem dar pitaco, né?